Pastoral de Educação Universitária

  • Christmas Night – União dos Povos

    Pastoral Universitária Bagozzi realizou a segunda edição do Christmas Night. Desta vez, a temática foi a "união dos povos". A Pastoral Universitária Bagozzi agradece a Deus e a todas as pessoas que se envolveram no Christmas Night: pela união dos povos. A noite de espetáculos trouxe música, dança, teatro e show de talentos. A equipe de teatro Uma Canção para o Mundo, formada por alunos do curso de pedagogia, abriu a noite com uma peça que misturou todos os povos em uma mensagem de amor e esperança. Dentre as apresentações musicais, tivemos os grupos: Quarteto Bom Vivant, Coral de Haitianos, Casa do Servo Sofredor, Orquestra dos Seminaristas Menores dos Legionários de Cristo e o saxofonista, aluno do curso de administração, William Richard da Silva. Enfim, os grupos Wakada Taiko, formado por tocadores de tambores japoneses, e Melhor Idade Nissei, levantaram a platéia com suas apresentações empolgantes. Agradecemos a direção, coordenadores, professores, alunos da Faculdade Bagozzi, a comunidade externa (Projeto Bagozzidade) e a Fama Eventos pela colaboração. Nosso espetáculo de Natal foi um sucesso e estamos convictos de que momentos como esses ajudam a renovar esperanças de um mundo melhor, vistos nos gestos de solidariedade vividos nestes dias. Foram mais de 140 pessoas se apresentando no palco (de forma gratuita e solidária), quase 30 pessoas na equipe de trabalho (educadores, alunos e comunidade externa), em torno de 650 litros de leite doados e mais de 400 pessoas de público espectador.
  • IV Círculo de Pessoas de Bem promoveu discussão sobre Direitos Humanos

    Na manhã do dia 23/10 aconteceu a primeira iniciativa do IV Círculo de Pessoas de Bem. O evento foi organizado pelos acadêmicos do Curso de Pedagogia e buscou aprofundar personalidades que se destacaram pela sua luta em favor dos direitos humanos dos mais desfavorecidos. O Círculo de Pessoas de Bem se destaca pela representação teatral das personalidades cativando ao público pelo exemplo de bem que elas realizaram. O evento é uma proposta da disciplina de Responsabilidade Social, Ética e Direitos Humanos, disciplina de eixo integrador de formação humana e profissional, no Curso de Pedagogia
  • II Encontro de Iniciação Científica reúne alunos e orientadores

    O II Encontro de Iniciação Científica reuniu orientadores e acadêmicos pesquisadores que participam do Programa de Iniciação Científica (PAIC) da Faculdade com o objetivo de socializar os resultados preliminares das pesquisas em andamento no ano de 2018. No Encontro foram apresentados 4 projetos de pesquisa na área da Filosofia e Pedagogia. O evento foi mediado pelo Prof. Humberto Herrera e estiveram presentes os professores orientadores, Prof. Vinicius da Costa e Profª. Nara Salamunes que realizaram considerações sobre as apresentações dos acadêmicos. Também foi uma oportunidade dos acadêmicos interessados em participar do Programa de Iniciação Científica em 2019 conhecer a proposta, seus objetivos e condições de participação.
  • Pastoral Universitária realiza piquenique no dia Internacional da Pessoa Idosa

    Na última segunda- feira, dia primeiro de outubro, a Pastoral Universitária Bagozzi realizou um piquenique com o Projeto Bagozzidade para celebrar o dia Internacional da Pessoa Idosa. O evento aconteceu no bosque do Santuário de Schoenstatt, no bairro do Campo Comprido, com uma programação especial para o Projeto Bagozzidade que atende à terceira Idade com três oficinas de dança, informática e língua e cultura italiana, dentro da Faculdade Bagozzi, sob responsabilidade da Pastoral universitária. Atualmente o projeto conta com a participação de 50 idosos, distribuídos nas três oficinas. Além de realizar um programa de extensão comunitária, o Projeto Bagozzidade possibilita aos envolvidos um trabalho de responsabilidade social.
  • Pastoral Universitária realiza “Dia do Abraço”

    Na noite desta segunda feira, dia 03 de setembro, a Pastoral Universitária Bagozzi, juntamente com diversos acadêmicos, promoveu o "Dia do Abraço" para acolher aos alunos e professores que chegavam par as aulas. O momento faz parte do Projeto de Escuta Solidária "Falando AbertaMENTE" que se realiza durante todo o mês de setembro no meio acadêmico. A Pastoral Universitária compreende que, com este gesto, é possível dar um passo no caminho da humanização das relações e alertar para o cuidado dos afetos. O "Setembro Amarelo" é importante na prevenção ao suicídio e é lembrado no mundo inteiro como canal de comunicação do problema que, hoje, atinge grande parte dos jovens, especialmente universitários.
  • Faculdade Bagozzi promove Ciclo de Palestras de Prevenção ao Suicídio

    No último dia 30 de agosto, nas dependências do auditório da Faculdade Bagozzi, aconteceu o Ciclo de Palestras com o tema "Prevenção ao Suicídio", promovido pela Pastoral Universitária Bagozzi. O evento contou com uma ampla mobilização espontânea nas redes sociais, gerando um movimento de mais de mil pessoas interessadas. Com o auditório lotado, a palestrante, a psicóloga Fernanda Atta abordou a temática baseada em sua experiência de atendimento a situações de risco, quebrando mitos e apontando possíveis meios de detectar sinais de suicídio entre jovens. O ciclo de Palestras deste semestre está integrado ao Projeto de Escuta solidária "Falando AbertaMENTE", lançado na mesma ocasião. Os psicólogos voluntários que farão plantão durante todo o mês de setembro foram apresentados à comunidade acadêmica, juntamente com o setor de apoio ao discente.
  • Presépio Casa de Nazaré

  • Momento Marelliano – Dia de São José Marello

    Na tarde desta quarta- feira, dia 30,  nas dependências da Faculdade Bagozzi, aconteceu o Momento Merelliano, que celebra justamente o dia de São José Marello, fundador da Congregação dos Oblatos de São José. Promovido pela Pastoral Universitária Bagozzi, o Momento Marelliano foi preparado em duas partes, a primeira na Capela Universitária, com um momento litúrgico; a segunda, com uma confraternização e coffee break. O Momento Marelliano teve a participação da Direção Geral, na pessoa do Professor Arivonil Matoski e da Mantenedora, na pessoa do Padre José Neto. Ambos deixaram duas mensagens de ânimo e gratidão pela família Marelliana aqui reunida.
  • Projeto Bagozzidade faz visita à Casa do servo Sofredor

    Cerca de 20 pessoas do Projeto Bagozzidade, coordenado pela Pastoral Universitária Bagozzi promoveu, neste último dia 07, segunda feira, uma visita ao Mosteiro Monte Carmelo, sede da Casa do Servo Sofredor, que acolhe dependentes químicos em processo de recuperação. A Casa do Servo Sofredor tem como missão acolher pessoas e propiciar qualidade de vida através de educação profissional, especial e ambiental para aqueles que enfrentam a situação de dependência química e/ou alcoólica. Atualmente a CSS atende cerca de 90 acolhidos que, encaminhados por órgãos federais, municipais e ONGs, buscam o tratamento para superar o vício das drogas. O encontro do Projeto Bagozzidade e os acolhidos se deu através de testemunhos, música, lanche comunitário e doação de alimentos para a instituição. Após a visita, o grupo se comprometeu em ajudar mensalmente fazendo coleta de alimentos, integrando as chamadas "colmeias", que de maneira organizada de voluntária recolhem alimentos para manutenção do projeto junto aos acolhidos. Confira as fotos abaixo: Projeto Bagozzidade mantém projeto de acolhimento a dependentes químicos e alcoólicos É de conhecimento geral que a dependência alcoólica e química faz várias vítimas no Brasil e no mundo. Diversas são as causas para esses problemas: a perda de um ente querido, a pobreza econômica, situações de fragilidade social e muitas outras. A questão é que todos as pessoas que se envolvem de maneira problemática com essas substâncias, muitas vezes se encontram sozinhas e sem amparo. É por isso que o projeto Bagozzidade intervém e auxilia as pessoas que são amparadas pela CSS. Não se trata apenas de trabalho voluntário. Se trata também do exercício do amor ao próximo, da solidariedade e da compaixão que nos foi ensinada por Jesus Cristo. Todas as vidas possuem valor e, mesmo que com a correria diária nós nos deixemos levar pela dessensibilização, devemos nos lembrar disso. Acesse a página do Projeto Bagozzidade para saber mais sobre seu funcionamento. A Página da Casa do Servo Sofredor também está disponível para consulta!
  • Pastoral Universitária promove segunda etapa do Projeto de Voluntariado no Hospital Universitário Cajuru

    No último dia 05 de maio, os alunos inscritos no Projeto de voluntariado "Acompanhamento Solidário", promovido pela Pastoral Universitária Bagozzi e o Setor de Voluntariado do Hospital Universitário Cajuru, participaram da formação "Acolhendo novos voluntários" e do treinamento "Sentindo na Pele", dentro das dependências do hospital. Confira as fotos a seguir: O "Acompanhamento Solidário" é uma atividade voluntária em que nossos alunos estarão acompanhando os pacientes, vítimas de diversos traumas, para as salas de cirurgia e enfermarias, sempre acompanhados por voluntários mais experientes. Pastoral Universitária incentiva e promove projeto de voluntariado hospitalar As especialidades campeãs e de referência no atendimento do Cajuru são ortopedia e oftalmologia. A última especialmente causada por acidentes de trabalho (falta do uso de EPI). Porém, muitos traumas também são advindos de acidentes de trabalho que poderiam ser evitados. O Hospital atende 100% via SUS e recebe paciente do SAMU, SIATE e da ECOVIA. O trabalho de voluntariado é de extrema importância, tanto para a instituição que aproveita essa força extra, quanto para o próprio indivíduo que o produz. Além de exercitar o trabalho em equipe, a compaixão e o amor ao próximo, o trabalho voluntário é uma grande fonte de ajuda para as organizações que não possuem recursos para executar determinadas tarefas vitais ao seu funcionamento. Não que seja o caso do hospital, que recebe esse trabalho voluntário especificamente por uma questão de solidariedade aos que sofreram traumas. Neste caso, o trabalho desempenhado pelos alunos voluntários é o de acompanhar as vítimas de acidentes de trabalho e prestar solidariedade enquanto eles se dirigem às salas de enfermaria e cirurgia. Afinal, quando estamos em um momento de vulnerabilidade, é sempre bom ter alguém que nos compreenda e nos ajude a passar pela situação de maneira mais calma e acolhedora. Se você se interessou pelo assunto, saiba que existem mais informações a respeito de voluntariado no próprio site do Hospital Cajuru. E se você quer saber mais sobre o trabalho executado, visite a página da Pastoral Universitária Bagozzi!
Página 1 de 3123